A INCLUSÃO DA LÍNGUA ESPANHOLA NO SISTEMA EDUCACIONAL DA CIDADE DE UBERABA-MG – UMA VISÃO POLÍTICA E CULTURAL

Categorias: Acadêmicos & Escolares, Artigos em Espanhol, Científicos, Linguística, Letras e Artes
Tags:
Escrito por:

DELDUQUE, M.B.S.A.1; SANTOS, C.K.L.R.2

1 Professor das Faculdades Associadas de Uberaba – Av. do Tutuna, 720, Bairro do Tutunas, fone: (34) 3318 4188, e-mail: [email protected];

2 Graduando do Curso de Licenciatura em Letras Português/ Espanhol das Faculdades Associadas de Uberaba – Av. do Tutuna, 720, Bairro do Tutunas, fone: (34) 3318 4188, e-mail:  [email protected];
* Projeto financiado pelo PIC PIBIC (PIC – programa Institucional de Iniciação Científica)

RESUMO

O presente estudo faz parte do Programa de iniciação científica (PICPIBIC) e tem como objetivo geral apresentar um estudo acerca da inclusão da língua espanhola no sistema educacional da cidade de Uberaba-MG. Como objetivos específicos propõe-se a relatar como se dará a inclusão da língua espanhola na cidade de Uberaba-MG, investigar quais as mudanças culturais causadas pela implantação desse idioma no contexto educacional da cidade de Uberaba-MG e pesquisar a participação política nesse processo de inclusão. Justifica-se pelo interesse da pesquisadora no tema e por acreditar que no atual contexto esta pesquisa pode ser útil àqueles professores que queiram atuar no ensino desse idioma, já que a atitude do governo em incentivar a implantação desse idioma em nosso país fez com que as pessoas se interessassem mais pela língua, e consequentemente pela cultura latina e espanhola. As questões que norteiam esta pesquisa são: 1) Como se dará o processo de inclusão da língua espanhola no contexto educacional da cidade de Uberaba-MG? 2) Quais mudanças culturais causadas pela implantação desse idioma no contexto educacional da cidade de Uberaba-MG? 3) Qual a participação política nesse processo de inclusão? Inicialmente partiremos de um estudo bibliográfico e posteriormente realizaremos um estudo de campo em três escolas, sendo 02 (duas) escolas públicas e 01 (uma) particular do ensino médio e fundamental da cidade de Uberaba-MG. Para tanto, aplicaremos um questionário semi estruturado direcionado aos gestores diretores das escolas alvos da pesquisa, para que possamos ter uma dimensão dos efeitos da implantação desse idioma, posteriormente faremos uma análise apurada dos questionários, a fim de partirmos para nossas considerações finais acerca do tema abordado.

Palavras-chave: Contexto educacional uberabense; Inclusão da língua espanhola; visão política e cultural

INTRODUÇÃO

A língua espanhola hoje é considerada uma necessidade dentro do contexto educacional brasileiro. Isso nos leva a refletir sobre a importância da aprendizagem do idioma espanhol em nosso país, já que atualmente o Brasil tem estreitado seus laços com os países hispano-americanos, não somente por questões comerciais que foram o ponto de partida para o fortalecimento da língua, mas também por questões sociais e políticas.

Segundo SEDYCIAS (2005, p.19), a razão pela qual a demanda por cursos de espanhol aumentou nos últimos dez anos, nos centros públicos e privados, deve-se a situações importantes na vida econômica, social e cultural do país, como por exemplo: a criação do Mercado Comum dos países do Sul das Américas (MERCOSUL), em 1991; a aparição de grandes empresas de origem espanhola o que proporcionou estreitos laços comerciais com a Espanha, principalmente a partir de 1996 e o peso da cultura espanhola em geral. Além disso, essas circunstâncias têm dado frutos em um terreno já abonado pelo trabalho de muitos hispanistas e professores brasileiros que fizeram um grande trabalho de difusão do idioma e da cultura dos países de língua espanhola.

Portanto podemos dizer que por conta dos motivos expostos acima, a língua espanhola ganhou um espaço definitivo em nosso contexto educacional e isso se deve também ao grande apoio dado pelo governo brasileiro ao sancionar da lei 11.161, que obriga o ensino de espanhol nas escolas de ensino primário. Essa atitude do governo é bastante positiva. É o que relata Fernández:

“ Como equilíbrio da situação do espanhol no sistema educativo, pode dizer que estamos assistindo a uma situação favorável o ensino-aprendizagem do espanhol- independente de que a obrigatoriedade se chegue a aprovar ou não-, e que as autoridades educativas deviam ser conscientes da força da demanda do espanhol e da necessidade de satisfazer as exigências do MERCOSUL. A data de hoje, oferta publica o espanhol e claramente insuficiente, principalmente  por falta de meios técnicos, de apoio bibliográfico e de profissionais qualificados. (FERNANDEZ,2005,p.24)

De acordo com essa lei sancionada no dia 05/08/2005, torna-se obrigatória a oferta da disciplina língua espanhola nas escolas do Ensino Médio. Os alunos poderão optar por matricular-se na disciplina ou não, mas as escolas públicas e privadas deverão ter a disciplina em seus currículos. Já no Ensino Fundamental, a oferta da disciplina será facultativa.

De acordo com o site oficial do MEC (2008), a implantação da lei será gradativa e deverá ser concluída no prazo de cinco anos, ou seja, até 2010. Segundo o portal do MEC, até 2010, os quase dez milhões de alunos do Ensino Médio estudarão espanhol. As escolas terão também esse prazo para adaptarem seus currículos e incluírem a língua espanhola.  Ou seja, a demanda por professores de língua espanhola advinda da lei está aumentando e tende a aumentar ainda mais, já que até o prazo para a entrada em vigor da lei será no dia 05/08/2010. Portanto as escolas já começaram a corrida pela contratação de professores de espanhol a fim de preparam-se para a inclusão desse idioma em seus currículos.

Hoje há cerca de 14 (quatorze) mil professores na rede pública e privada, sendo que a maioria da rede publica. Para atender a demanda advinda da lei e garantir o ensino da língua espanhola até 2010, será necessário agregar mais de 29 mil profissionais a rede de ensino privada e aproximadamente 26 mil professores á rede pública. Desse modo, o governo brasileiro tem investido na formação de professores com a abertura de mais vagas nas licenciaturas e de concursos públicos para docentes, entre outras medidas, além da capacitação daqueles que já dão aula, CELEDA (2005.p.84), adiantou que os representantes dos países latino-americanos e da Espanha, presentes no encontro, se comprometeram a ajudar o Brasil na implementação da lei do espanhol, como foi apelidada a Lei nº 11.161/05, especialmente no tocante ao intercâmbio de alunos e professores e à concessão de bolsas, além de programas conjuntos de formação de professores de espanhol. Esses professores terão um papel fundamental para que a inclusão da língua espanhola seja efetiva em nosso país.

Na cidade de Uberaba a inclusão da língua também está prestes a acontecer, por isso o objetivo geral desta pesquisa é apresentar um estudo acerca da inclusão da língua espanhola no sistema educacional da cidade de Uberaba-MG. Como objetivos específicos propõe-se a relatar como se dará a inclusão da língua espanhola na cidade de Uberaba-MG, investigar quais as mudanças culturais causadas pela implantação desse idioma no contexto educacional da cidade de Uberaba-MG e pesquisar a participação política nesse processo de inclusão. Justifica-se pelo interesse da pesquisadora no tema e por acreditar que no atual contexto esta pesquisa pode ser útil àqueles professores que queiram atuar no ensino desse idioma, já que a atitude do governo em incentivar a implantação desse idioma em nosso país fez com que as pessoas se interessassem mais pela língua, e conseqüentemente pela cultura latina e espanhola.

MATERIAL E MÉTODO

A presente pesquisa caracteriza-se como um estudo bibliográfico de natureza de cunho qualitativa (Chizzotti, 2001) e de campo realizado em três escolas, sendo duas públicas e uma escola privada. Para compor o material documentário, participarão da pesquisa 03 (três) diretores gestores e 03 (três) professores da disciplina de língua espanhola de cada escola alvo da pesquisa. Esses participantes responderão a um questionário semi-estruturado que posteriormente será analisado levando em consideração as respostas dos entrevistados e o referencial teórico construído. É importante ressaltar que todos os participantes assinarão termo de consentimento e terão suas identidades preservadas.

RESULTADOS E DISCUSSÃO

De acordo com a pesquisa bibliográfica realizada até o momento a língua espanhola deve fazer parte do currículo das escolas públicas e particulares de todo o Brasil e consequentemente isso ocorrerá na cidade de Uberaba-MG, pois de acordo com o portal do MEC, até 2010, os quase dez milhões de alunos do Ensino Médio estudarão espanhol. As escolas terão também esse prazo para adaptarem seus currículos e incluírem a língua espanhola.

A importância da inclusão do ensino da língua espanhola no Brasil é de suma importância, pois o nosso país está cercado de países que falam a língua espanhola. O espanhol tornou-se um dos principais veículos de comunicação nos meios diplomáticos, no comércio mundial, nas competições esportivas, no turismo, nos encontros de líderes políticos mundiais, nos congressos sobre ciência, tecnologia entre outros.

Dominar a língua espanhola abre portas para o mercado de trabalho, podendo ser um importante diferencial para uma boa colocação, pois neste mundo da informação, a falta do segundo ou terceiro idioma pode eliminar chances de inserção no mercado. As empresas cada vez mais exigentes procuram profissionais qualificados, por isso o domínio de uma ou mais línguas estrangeiras que antes era “desejável” hoje passou a se tornar um “pré-requisito”, para profissionais de nível superior, médio e técnico, em todas as áreas.

Com o advento do MERCOSUL, aprender espanhol deixou de ser um luxo para se tornar praticamente uma emergência. Além de todos esses motivos citados acima existe o comércio exterior, pois, o Brasil hoje comercializa muitos produtos e serviços com outros países latinos como Bolívia, Argentina, Uruguai, Colômbia, Peru, México, Venezuela, Chile, todos falantes de espanhol, e a tendência futura é o crescimento do comércio livre entre os países Sul-americanos. Não podemos deixar de mencionar a Espanha que é o segundo maior investidor de capital privado no Brasil.

A posição que a língua espanhola ocupa no mundo de hoje é de tal importância que quem decidir ignorá-la poderá correr o risco de perder muitas oportunidades de cunho comercial, econômico, cultural, acadêmico ou pessoal. Além da importância econômica, cultural e social, é um idioma muito belo.

REFERÊNCIA

BRASIL. Dispõe sobre o ensino do espanhol na educação fundamental e média. Lei n° 11.161, de 05 ago. 2005. Disponível em http://www.planalto.gov.br Acesso em: 08/08/2008.

CELADA, Maria Teresa; GONZALES, Neide. Español para brasileños: un intento de captar el orden de la experiencia . In: SEDYCIAS, João. (Org.). O Ensino do espanhol no Brasil: passado, presente, futuro. São Paulo: Parábola Editorial, 2005, p. 71-200.

FERNÁNDEZ, Francisco Moreno. El Español en Brasil. In: SEDYCIAS, João. (Org.). O Ensino do espanhol no Brasil: passado, presente, futuro. São Paulo: Parábola Editorial, 2005, p. 14-34.

SEDYCIAS, João (Org.) Ensino do espanhol no Brasil: passado, presente, futuro. São Paulo: Parábola Editorial, 2005. p.223

Sobre Feed do Autor

Sou formada em Letras( portugues e ingles) e Fiz Letras ( portgues e espanhol) como complementação de curso.

3 comentário para “A INCLUSÃO DA LÍNGUA ESPANHOLA NO SISTEMA EDUCACIONAL DA CIDADE DE UBERABA-MG – UMA VISÃO POLÍTICA E CULTURAL”

  1. Flávia diz:

    Adorei! Muito bem explicado!

    Parabéns!

  2. Debora Reis diz:

    Me interessei pela língua espanhola e hoje tenho a faculdade de Letras-Portugues/Espanhol, porém aqui em Sergipe os diretores regionais de ensino não valorizem essa disciplina ao ponto de se negarem a incluí-la na grade curricular de todas as escolas onde os diretores das mesmas são quem decidem, não importa se a inclusão da língua espanhola nas escolas brasileiras já foi determinada pelo governo federal, por aqui o que ainda se vê muito é a politicagem interna e o total atraso.

  3. luiz henrique diz:

    eu não achei o que eu precisava é orrivel

Deixe seu comentário

Serviço 100% gratuito

Escreva artigos com facilidade e ferramentas divertidas de usar

Aumente sua credibilidade pessoal e reconhecimento

Conquiste novos clientes mostrando seus conhecimentos