Se meu Herbie falasse

Categorias: Carros
Tags: , , , ,
Escrito por:

Se você tem mais de 25 anos com certeza já andou alguma vez na sua vida em um fusca. Um dos carros mais vendidos e populares no Brasil, o veículo fazia a cabeça de muitos pais de família. Entretanto no final da década de 90 ele deixou de ser uma das preferências dos motoristas e hoje passa a ser objeto de desejo de muitos colecionadores.

Em 1968 o veículo ganhou fama mundial ao ser o ‘personagem’ principal do filme E Se Meu Fusca Falasse, de Robert Stevenson.  Na película de Wal Disney o carro, que foi desprezado pelo dono de uma revendedora, ganha vida nas mãos do corredor Jim Douglas.

Até hoje apaixonados pela história buscam imitações de Herbie (como se chamava o carro no longa).  Mas é só dar uma busca mais detalhada na internet que é possível encontrar pessoas que vendem modelos inspirados no famoso carro.  No site da OLX Brasil, por exemplo, é possível adquirir uma cópia perfeita do tal fusca por menos de R$ 8 mil. Seguro que ter um Herbie na garagem e poder mostrar aos vizinhos é o sonho de muitos colecionadores.

“Para um colecionador o melhor canal de buscas são os sites de classificados na internet. É possível fazer uma busca diária e muitas vezes conseguir o que tanto busca por um ótimo preço. Eu sempre busco carros motos e já comprei muitas raridades”, revela o colecionador de fuscas Claudio Hernandes.

E se o seu problema é não saber dirigir, não se preocupe, na internet também é possível encontrar cursos gratuitos para conduzir!

História

O fusca foi o primeiro modelo fabricado pela companhia alemã Volkswagen e se transformou no carro mais vendido no mundo, ultrapassando em 1972 o recorde do Ford Modelo T.

Já o primeiro modelo brasileiro foi lançado em 1949. Já em 1986 a Volkswagen desistiu de fabricá-lo alegando que era um modelo muito obsoleto, apesar de ser ainda um dos doze carros mais vendidos daquela época.

Em 1993, por sugestão do então presidente Itamar Franco a empresa voltou a fabricar o carro. Foi aprovada então a Lei do carro popular, que previa isenções de impostos para os carros com motor 1.0 e também para os que tivessem com refrigeração a ar, sendo assim e o Fusca e a Kombi, embora tivessem motores de 1.6l, foram incluídos.

Em 1996, a empresa deixou de produzir novamente o carro, com uma série especial denominada Série Ouro. A partir daí, ele só seria produzido no México. Nesse segundo período, foram produzidos no Brasil cerca de 47.000 exemplares.

Dados do site Wikipédia Brasil

 

Sobre Feed do Autor

Jornalista, formada pela Universidade Mackenzie, São Paulo (BR), e com pós-graduação em Comunicação Empresarial pela Universidad Pontificia de Salamanca, Espanha

Deixe seu comentário

Serviço 100% gratuito

Escreva artigos com facilidade e ferramentas divertidas de usar

Aumente sua credibilidade pessoal e reconhecimento

Conquiste novos clientes mostrando seus conhecimentos